15/01/2021

As 3 fases mais diferentes e importantes da carreira de Snoop Dogg

Todo mundo que ama rap, ama o tito Snoop Dogg. Desde que atingiu o conhecimento  do rap pela primeira vez em 1992, o cantor de Long Beach, na Califórnia, tem sido referência, entregando material clássico e conquistando os corações dos fãs de rap. Agora vamos relembrar três fases importantes da carreira dele.
 
1- Entrada na Death Row
 
Após a saída do Dr. Dre da Ruthless Records, muitos fãs de rap e críticos questionaram se o produtor seria capaz de replicar o sucesso do grupo sem seus ex-parceiros. Snoop Dogg foi a arma secreta que Dre apresentou para o mundo na música de 1992, "Deep Cover". O estilo de rima de Snoop chamou a atenção dos fãs de rap de costa a costa, com o rapper notado como a estrela da Death Row Records com sua performance no álbum de estreia do Dr. Dre, o "The Chronic".
 
2- Malvadão, mas com ritmo
 
Snoop se reinventou durante os primeiros anos e ficou independente em 2004. No mesmo ano, ele tomou a decisão de se juntar ao selo Star Trak,  do Pharrell, antes do lançamento de seu sétimo álbum de estúdio, "R&G (Rhythm & Gangsta): The Masterpiece". O álbum, que teve produção executiva de Pharrell, também marcou uma nova encarnação de Snoop Dogg, que dependia mais de seu charme suave do que de sua credibilidade nas ruas. A grande música de sucesso foi "Drop It Like It's Hot".
 
3- Um Snoop popular
 
Quase 20 anos ele foi praticamente escolhido para ser  "o garoto propaganda de todas as coisas erradas com o hip hop" pela grande mídia, Snoop se tornou muito amado nos Estados Unidos, conquistando muitos fãs de todas as idades e raças com seu talento para o humor, como em algumas participações especiais em vários filmes.
Ele mergulhou totalmente no mundo do pop, virando um nome nacional além da cultura de rua.